Relatório Destaque Visita Técnica ao Oceanário

I VISITA TÉCNICA AO OCEANÁRIO DE ARACAJU-SERGIPE
ALUNA: RAYANNE CARLA DE LIMA SANTOS       SÉRIE: 6 ANO “C”

RELATÓRIO

     No Oceanário de Aracaju havia muitos animais, mas o que eu mais gostei foi das tartarugas e dos peixes. As tartarugas quando nascem vão para o mar, guiadas por luzes, que podem ou não serem prejudiciais, dependendo do referencial, por exemplo, se as luzes estiverem numa residência próxima à praia, as tartarugas podem confundir-se e migrarem para este local.
     Nas praias locais têm plataformas continentais, por isso as águas são mais sujas, por conta dos vazamentos de petróleo. Nelas há muitas dunas, que são classificadas em ESTACIONÁRIAS, quando possuem plantas ou raízes segurando a areia, não deixando-a mover-se e MIGRATÓRIAS, onde a areia é removida pelo vento e não fica no mesmo lugar. Existem também peixes que já vimos ou ouvimos falar, como os cavalos – marinhos e os tubarões, e os que nunca ouvimos falar, como caranguejos – aranha. Muitos destes peixes estão entrando em extinção por conta da pesca predatória e da poluição dos rios, mares e oceanos.

                                     ALGUNS ANIMAIS QUE VIMOS NO OCEANÁRIO
     SARGENTINHO
 Eu o escolhi por causa do nome e por suas listras.
Nome cientifico: ABUDEFDUF  SAXATELIS.
 É conhecido como sargentinho por não fugir dos mergulhadores, como a maioria dos peixes fazem.
 Apresentam listras marcantes no seu corpo.
      OURIÇO DO MAR
O ouriço do mar é um suinoderme.
Não tem olhos, mas seu corpo está coberto por células sensíveis à luz.
Apesar de não parecer, estes animais movem-se com a ajuda de pés ambulacrários.
O seu esqueleto, duro e coberto de espinhos, não é suficiente para os protegerem de alguns caranguejos europeus, estrelas-do-mar e peixes.
       TARTARUGA VERDE
Nome cientifico: Cheloniamydas.
  Seu nome tartaruga verde não vem de qualquer coloração, mas sim do fato de que quando adultas adoram comer algas marinhas.
  A espécie está distribuída por todos os oceanos, nas zonas de águas tropicais e subtropicais de todo o mundo.

Compartilhe esse conteúdo